sábado, 19 de dezembro de 2009

Conversa de Bar



Bebida embebida dessa luz virtual
de onde nascem e correm segredos,
Simples movimento serve de ritual
e palavra que se verte a dois dedos.

O trilho da música que lota jangada
e um cúmplice nexo nos faz chegar,
Só faz falta quem está por chamada
e marcamos pontos no alegre jorrar.

Mago espelho levita corpos do nada
e varridos na onda da hora de voltar,
A cortina ainda esconde madrugada
mas a dois ainda enchemos esse bar.

________
Vamaloso
________
 
Foto : Google

Sem comentários:

Enviar um comentário