sexta-feira, 28 de Dezembro de 2012

Canto à capela



Estás no outro lado do mundo,
e eu,…neste meu canto à capela.
Estás no sonho mais profundo,
e és,… a saudade à minha janela.

O teu riso, melodia a céu aberto,
uma luz,…e lua de parte incerta.
O teu rio, brilho em trilho secreto,
uma sede,...e nau à descoberta.

Da terra, do joio o trigo se desbrava
da foz,…em jogo de cabra-cega.
Do mar, a rima de uma só palavra,
da voz,…de quem por amor navega!

________
Vamaloso
________

Foto : google